Sexo

4 variações da posição “cachorrinho” para você levar o seu parceiro à loucura no sexo


4 variações da posição "cachorrinho" no sexo (Foto: iStock)

Já não é mais novidade para ninguém que, infelizmente, o sexo continua sendo um grande tabu. O que faz com que muitos problemas não sejam solucionados da forma adequada. E essas situações, acabam prejudicando milhões de relações, além de muitas ainda causarem constrangimento, podem afetar diretamente a intimidade dos casais e até o emocional. Por isso, existem algumas posições que podem te ajudar a proporcionar orgasmos mais intensos e prazerosos para os seus parceiros(as), como a posição conhecida como “cachorrinho”.

Rasteirinhas sujas e manchadas NUNCA mais! Veja esses truques que mudarão a sua vida

Ainda que seja muito conhecida e tradicional, o que nem todo mundo sabe é que essa posição possui algumas variações que ajudam a esquentar o clima e elevar o prazer. Por isso, vamos te dar algumas dicas e assim, você poderá mostrar para o seu companheiro(a) todos os seus dotes.

5 melhores cortes de cabelo feminino que te ajudarão a rejuvenescer diversos anos em pouco tempo

Prazer no sexo: posições que te ajudam a ter + orgasmos (Foto: iStock)
Prazer no sexo: posições que te ajudam a ter + orgasmos (Foto: iStock)

Aprenda a saber quais cortes de cabelo combinam + com o seu rosto e não sofra mais

Veja também

Conheça as variações da posição cachorrinho no sexo

Conheça os 4 melhores cortes de cabelo para mulheres +40 e rejuvenesça sem precisar de cirurgias

Cachorrinho em pé

Essa posições em específico tem 2 níveis de dificuldade. Para as pessoas mais flexíveis, a dica é ficar em pé com as pernas esticadas e o tronco inclinado para frente, apoiando as duas mãos no chão. Por trás, também em pé, a pessoa que irá penetrar fica encarregada dos movimentos. Se você preferir experimentar o nível fácil da variação, a dica é encontrar uma superfície um pouco mais alta para apoiar o antebraço e diminuir a inclinação do tronco.

Conheça 3 perfumes femininos da Eudora que são perfeitos para ocasiões especiais

Um dos parceiros em pé

Nessa, a pessoa que está na função de penetração fica em pé, garantindo melhor apoio e, consequentemente mais firmeza. Sendo assim, a dica é explorar as beiradas da cama e das demais superfícies de apoio durante o sexo.

Mulheres podem comemorar! Governo Lula aprova extra de R$ 300 para mães do Bolsa Família

Cachorrinho preguiçoso

Aqui, a pessoa que é penetrada deita-se na cama, de bruços e com algum travesseiro abaixo da barriga. Enquanto isso, a outra fica por trás, entre as pernas da que está deitada, realizando a penetração. Essa variação pode ser muito prazerosa para mulheres, já que a posição proporciona maior contato com o corpo e, ainda, contribui para que ocorra um estímulo do clitóris.

Cabelo poroso após descoloração? Siga essas dicas e salve os seus fios com essa hidratação profunda

Rosto na cama

Por último, mas não menos importante, nessa versão, a pessoa que está sendo penetrada encosta o rosto na cama e joga os braços para frente o que, consequentemente, tornará o tronco mais inclinado e o bumbum mais empinado. Esta angulação permite uma penetração mais profunda, além de um imenso prazer visual para quem está penetrando no sexo.

Aprenda a dar mais prazer para o seu companheiro(a) na cama (Foto: iStock)
Aprenda a dar mais prazer para o seu companheiro(a) na cama (Foto: iStock)

Saiba quais são as 3 posições + indicadas na hora do sexo para quem quer engravidar

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo Aaron Tura Tv

Aaron Tura

💬 Jornalista | Colunista @ATardeESua @TVFOCOoficial @oficialSUPERPOP

@aarontura

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Prazer, meu nome é Sandra Ribeiro, tenho 25 anos e sou formada em jornalismo. Meu interesse em gerar conteúdo significativo é o que me motiva diariamente, por isso, produzir coisas significativas, que me ajude a aprender e crescer me torna uma pessoa realizada na área que tanto amo. Além de adorar escrever e desenvolver matérias, eu sou apaixonada por marketing digital, assessoria de impresa e quase todas as outras áreas que a comunicação engloba. No entanto, o jornalismo não é o único no meu coração. Por isso, quando não estou trabalhando ou fazendo cursos, você pode ter certeza que estou me aventurando em algum livro novo ou vendo algum filme antigo. Espero que você se sinta mais informado(a) com as notícias que ler por aqui e ficarei contente em te encontrar outras vezes. Até mais 😉