Esporte

Álvaro Pacheco assume fracasso após derrota humilhante do Vasco contra o Flamengo: “Sou responsável”


Álvaro Pacheco se desculpa por goleada do Vasco frente ao Flamengo (Foto: Reprodução/Vasco)

Álvaro Pacheco pede desculpas após o Vasco sofrer uma goleada pelo Flamengo, assumindo total responsabilidade pelo resultado

O Vasco da Gama enfrentou uma derrota esmagadora por 6 a 1 contra o Flamengo, marcando uma das piores goleadas na história do clássico para o time cruz-maltino.

+ Auxílio Gás VOLTOU em junho! Saiba os valores e quando poderá receber

O jogo, que ocorreu neste domingo pelo Campeonato Brasileiro, foi especialmente significativo pois marcou a estreia do técnico Álvaro Pacheco, que, após o jogo, fez um pedido de desculpas aos torcedores e assumiu a responsabilidade pelo desempenho desfavorável.

Álvaro Pacheco pede desculpas

Após o término do jogo, Pacheco foi enfático ao assumir as falhas da equipe. “Em primeiro lugar, é pedir desculpa. O resultado aconteceu, e sou o responsável enquanto treinador”, disse ele, reconhecendo a superioridade do adversário e a incapacidade de sua equipe de manter a compostura após o primeiro gol.

+ LIBERADO HOJE (02/06) +1 lote do CARTÃO de ÔNIBUS dos IDOSOS de 60 anos pra cima

Veja também

Ele enfatizou que apesar da derrota pesada, isso não muda suas convicções sobre o trabalho a ser feito. “Não muda nada na minha convicção, naquilo que vai ser o meu trabalho e na equipe que vai dar orgulho no futuro”, afirmou Pacheco.

Controvérsias e estratégias de ogo

Durante a coletiva, surgiram questionamentos sobre as escolhas táticas de Pacheco, especialmente sobre a ausência de David, um dos principais atacantes do time. Quando questionado, Pacheco justificou: “Foi opção tática. Tenho 36 jogadores, só poderia convocar 23 e a questão do David foi opção tática.”

O treinador do Vasco
O novo treinador do Vasco em coletiva (Foto: Reprodução/Vasco)

Visão de futuro e recuperação da equipe

Pacheco ainda comentou sobre os primeiros 30 minutos de jogo, onde viu potencial e controle por parte do Vasco, mas destacou que a equipe se perdeu após o empate.

“Quando está criando uma identidade nova, aconteceu um imprevisto, eles esqueceram das referências novas e foram para as antigas”, explicou o técnico, ressaltando o desafio de implantar uma nova cultura de jogo.

Próximos passos para o Vasco

O Vasco agora tem um período de 11 dias sem jogos antes de enfrentar o Palmeiras no Allianz Parque. Esse intervalo será vital para que Pacheco e sua equipe analisem os erros e trabalhem nas correções necessárias. Com seis pontos e ocupando a 13ª posição no Brasileirão, a equipe tem uma margem crítica para melhorias.

Pedrinho, presidente do Vasco, em entrevista coletiva (Foto: Reprodução/Internet)
Pedrinho, presidente do Vasco, em entrevista coletiva (Foto: Reprodução/Internet)

Pacheco finalizou com um olhar esperançoso para o futuro, reiterando seu compromisso em fortalecer a equipe.

“Temos que sentir essa derrota, que foi um peso, e ter a noção do que temos que fazer para sermos mais fortes”, concluiu, destacando a importância de aprender com os reveses e de construir uma equipe resiliente e digna de orgulho para os torcedores vascaínos.

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo Aaron Tura Tv

Aaron Tura

💬 Jornalista | Colunista @ATardeESua @TVFOCOoficial @oficialSUPERPOP

@aarontura

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Redator do Aaron Tura TV. Especialista em redação sobre benefícios sociais, finanças e direitos do trabalhador. Escrevo sobre notícias há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.