Diretas

Dívidas e clientes em pânico: A falência de rival do C6 Bank confirmada pelo Banco Central


Falência do banco rival do C6 Bank, logo do Banco Central e mulher assustada (Foto: Reprodução / Canva / Montagem AaronTuraTV)

C6 Bank é uma instituição financeira digital para pessoas físicas e jurídicas

O sucesso do C6 Bank ajudou a consolidar outras financeiras no Brasil, como o Nubank, por exemplo. Ocorre que outras fintechs acabaram investindo bastante no mercado financeiro.

Acontece que não precisa ser um especialista para chegar a conclusão que abrir um negócio não é algo fácil. Isso porque uma série de situações pode levar ao fim de um grande empreendimento.

SAIBA MAIS! AJUSTES no Bolsa Família de MAIO podem alterar seu pagamento: Faça o cálculo

Sendo assim, hoje iremos destacar a respeito de um banco rival do C6 Bank que teve a sua falência decretada pelo Banco Central em maio de 2024.

Para quem não sabe, estamos falando sobre o fim da BRK Financeira. De acordo com informações do portal Valor Econômico, a 2ª Vara de Falências e Recuperações Judicial do Tribunal de Justiça de São Paulo decretou a falência da empresa, que estava em liquidação extrajudicial desde fevereiro de 2023, por determinação do Banco Central.

Veja também

Banco Central revela verdade sobre dinheiro esquecido (Foto: Reprodução)
Fachada do Banco Central (Foto: Reprodução / Bacen)

Em sua decisão, o magistrado Ralpho Monteiro Filho destacou que os fatos narrados pelo liquidante e pelo Banco Central demonstraram que o ativo da Financeira BRK não satisfazia ao menos metade do valor dos créditos quirografários e que houve “graves violações às normas legais que regulamentam o funcionamento da instituição”.

Além disso, o juiz deu mais detalhes, isso porque a decisão também cita “existência de atos e omissões danosos à instituição praticados pelos ex-administradores” e “situação econômico-financeira de insolvência irreversível” da BRK Financeira.

Foi nomeada como administradora judicial a Brajal Veiga. A BRK era controlada por Nelson Pinheiro, que faz parte de uma família tradicional do Ceará.

Ambos os institutos têm como intuito sanar as dívidas de uma empresa. Porém, a principal diferença está na continuidade ou não do empreendimento. No caso da recuperação judicial, se ganha tempo para recuperar a capacidade de gerar resultados na empresa.

Por outro lado, na falência, não existe a reestruturação do negócio e ele acaba fechando as portas, sendo esse o caso da BRK Financeira, rival do C6 Bank que está dando adeus em 2024.

Até o momento não foram encontradas notas oficiais, tampouco manifestações da empresa a respeito do ocorrido, porém o espaço continua aberto para que a mesma possa expor sua versão dos fatos.

Banco Central fechou as portas da BRK Financeira (Foto: Reprodução / BRK)
Banco Central fechou as portas da BRK Financeira (Foto: Reprodução / BRK)

QUANTOS CLIENTES TEM O C6 BANK?

De acordo com informações do portal Insights, o JP Morgan tornou-se acionista do C6 Bank em junho de 2021, quando adquiriu uma participação de 40% no banco digital.

Desde então, a fintech triplicou o número de clientes, para 25 milhões de usuários atualmente.

Famoso banco digital faz mudanças e causa alegria em clientes (Imagem Reprodução Internet)
C6 Bank é um famoso banco digital (Foto: Reprodução / Canva)

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo Aaron Tura Tv

Aaron Tura

💬 Jornalista | Colunista @ATardeESua @TVFOCOoficial @oficialSUPERPOP

@aarontura

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Paulistano com alma de carioca, sou formado em Jornalismo e pós-graduando em Marketing. Sou completamente apaixonado por comunicação. Escrever sobre atualidades, televisão e seus bastidores é a minha realização profissional, que faço com clareza, leveza, seriedade, humor e muito amor. Faço parte da equipe do Aaron Tura TV desde fevereiro de 2022, deixando os leitores atualizados sobre notícias relevantes, que são capazes de transformar a vida de nossos leitores!