Esporte

Marcelo Fernandes não se cala e revela porque só utiliza Furch nos minutos finais das partidas do Santos


Marcelo Fernandes, técnico do Santos (Imagem Reprodução Internet)

O técnico do Peixe sabe que o time passa por um momento muito complicado, mas esclareceu para a torcida a sua posição quanto ao jogador

Na última quarta-feira (29), o Santos entrou em campo contra a equipe do Fluminense, o time de Marcelo Fernandes precisava da vitória para fugir do rebaixamento, mas acabou derrotada. Após a partida, o técnico falou sobre Furch.

+Estrela do SBT detona ao expor desprezo de Gugu Liberato e desmascarou: “Nem olhava pra mim”

Marcelo Fernandes, técnico do Santos (Imagem Reprodução Internet)
Marcelo Fernandes, técnico do Santos (Imagem Reprodução Internet)

O Peixe ocupa a 15ª na tabela de classificação do campeonato brasileiro, com vantagem de apensas dois pontos do Bahia, que é o time que ocupa a primeira posição da zona de rebaixamento.

Apesar dessa situação, um jogador vem entrando em campo para defender a camisa do Santos e desempenhando um bom trabalho, que chama atenção da torcida.

+Cadastro Único do Governo oferece benefícios EXCLUSIVOS para as mulheres; veja

Trata-se de Júlio Furch , que ao lado de Marcos Leonardo, vem sendo o grande nome do Santos nesta caminhada contra o rebaixamento. Por conta disso, há muitos questionamento sobre os motivos que o técnico só utiliza ele em poucos minutos das partidas.

Por conta dos questionamentos, Marcelo Fernandes acabou se manifestando e esclarecendo o por que não entra com o jogador como titular do Peixe.

Furch, jogador do Santos (Imagem Reprodução Internet)
Furch, jogador do Santos (Imagem Reprodução Internet)

+Dorival Júnior é avisado e diretoria do São Paulo oferece estrela à rival da Libertadores

“O Furch é um grande jogador, como o Maxi, o pessoal se esforça muito. E tem o Marcos Leonardo, titular da posição, com 13 gols no campeonato. Tem dias que não está bem. O Furch também tem entrado bem. Não tem por que. É o dia a dia, seu espaço”, disparou.

Ele contou que por conta de toda a situação que o time enfrenta, não dá para levar em consideração os pedidos da torcida.

“Temos dois jogos, sem desespero para ninguém. Não temos prioridade por um, pelo que a torcida ou alguém fala. O Furch é muito importante e vai nos ajudar, com certeza”, concluiu.

 

 

Eu sou Fernanda Zanardo, tenho 32 anos e sou bacharel em direito por formação pela FMU. Sempre atenta à tudo ao meu redor, sou Redatora Web por vocação. Encantada pelo mundo esportivo, adoro escrever sobre o assunto, sobretudo de futebol. Amo animais e viajar.