Televisão

Roberto Kovalick confirma crise de choro na Globo e desespero com morte da esposa: “Localiza ela”


Roberto Kovalick, âncora do Hora 1 da Globo (Foto reprodução)

Roberto Kovalick, âncora do Hora 1 da Globo, concedeu uma entrevista mais do que especial para o Conversa com Bial nesta última quarta-feira (9).

No bate-papo, Roberto Kovalick, que é um experiente jornalista da Globo e que já foi correspondente internacional na emissora, revelou para Pedro Bial momentos de desespero que passou durante a cobertura de um terremoto ocorrido no Japão, quando era correspondente por lá.

Veja também: Bastidores Copa América: Globo implorou por perdão e ofereceu milhões para compra da competição

De acordo com Roberto Kovalick, entre uma entrada e outra, ao vivo, ele ficou desesperado, pois não sabia se a esposa dele (que também é jornalista) havia morrido no desastre.

“Eu confesso que entre uma entrada ao vivo e outra, batia o desespero. Eu falava para o Brasil, ‘pelo amor de Deus, localiza minha mulher, localiza a Karina [mulher do âncora, também é jornalista], eu não sei se ela tá viva, se ela está morta’. Mas a gente tem o dever profissional de seguir em frente”, admitiu ele para Bial levando as mãos ao rosto durante a entrevista na Globo.

Veja também

Roberto Kovalick se referia a um fatídico dia ocorrido em 2011, quando ele acabou entrando, ao vivo, em quase todos os telejornais da Globo para comunicar diretamente do Japão, o forte terremoto que deixou centenas de mortos:

+ Apresentador da Globo sofre acidente e perde a memória

“A nossa produtora não conseguia falar com ninguém. Foi desesperador. Mas enfim, a adrenalina ajuda nessas horas. A tensão e o estresse nos fazem ir adiante em uma hora dessas”, desabafou.

Roberto Kovalick ainda se emocionou na entrevista ao dizer que por muitas vezes chorou entre uma entrada e outra, ao vivo, na Globo, sem notícias da esposa:

“Por algum motivo, eu falava com o Brasil, tanto que a gente estava ao vivo o tempo todo, mas não conseguia falar com a minha mulher, ela estava em Tóquio e foi um terror também. Eu estava ao sul, onde não deu pra sentir o terremoto. Mas eu não conseguia falar com ela. Eu não sabia se ela estava viva, se estava morta. Muitas vezes eu chorei entre uma entrada ao vivo e outra”

Roberto Kovalick em conversa com Pedro Bial na Globo (Foto reprodução)
Roberto Kovalick em conversa com Pedro Bial na Globo (Foto reprodução)

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo Aaron Tura Tv

Aaron Tura

💬 Jornalista | Colunista @ATardeESua @TVFOCOoficial @oficialSUPERPOP

@aarontura

SEGUIR AGORA

Autor(a):