Titular com Sampaoli no Flamengo prepara despedida: Tite rejeita e venda para 2024 está a caminho


Tite assumiu o Flamengo após Jorge Sampaoli
Tite assumiu o Flamengo após Jorge Sampaoli (Foto: Reprodução/Instagram)

Um jogador que esteve sob o comando de Sampaoli no Flamengo enfrenta uma nova realidade: após ser descartado por Tite, seu caminho parece levar a uma venda em 2024

O Flamengo, um dos clubes mais proeminentes do futebol sul-americano, está em meio a um processo de transformação significativo com a chegada do técnico Tite. Após uma temporada sem grandes conquistas em 2023, o clube carioca se prepara para encarar os desafios de 2024 com uma série de mudanças em seu elenco, visando retomar o caminho das grandes vitórias.

Tite, conhecido por seu trabalho bem-sucedido à frente da Seleção Brasileira, agora tem a tarefa de liderar o Flamengo em uma nova era. Com a responsabilidade de montar uma equipe competitiva e conquistar títulos, o técnico aparentemente já começou a moldar o elenco de acordo com sua visão e estilo de jogo.

Jogador perde espaço

Uma das mudanças significativas sob a nova gestão de Tite é a situação do goleiro Matheus Cunha. O jovem atleta, que foi um dos destaques do time sob o comando de Sampaoli em 2023, agora parece estar perdendo espaço no clube. Com a preferência de Tite por outros atletas para a posição, especula-se que Cunha possa estar de saída do Flamengo, abrindo caminho para novas oportunidades em sua carreira.

Jorge Nicola, renomado jornalista esportivo, aponta que a diretoria do Flamengo vê o momento atual como ideal para negociar Matheus Cunha, especialmente considerando seu potencial de mercado no futebol europeu.

O defensor do Mengão é cogitado por diversos clubes europeus e deve abrir espaço a Agustín Rossi (Foto: Reprodução/ Divulgação/ CRF/ Instagram)
O defensor do Mengão é cogitado por diversos clubes europeus e deve abrir espaço a Agustín Rossi (Foto: Reprodução/ Divulgação/ CRF/ Instagram)

Time estaria interessado

Durante a temporada, o Nottingham Forest já havia demonstrado interesse no goleiro, mas uma proposta concreta foi recusada na época. Agora, com a janela de transferências se aproximando, o Flamengo pode estar mais inclinado a considerar ofertas pelo jogador.

A possibilidade de transferência de Matheus Cunha para a Europa não só beneficiaria o jogador, oferecendo-lhe a chance de desenvolver sua carreira em um novo ambiente, como também poderia ser vantajosa para o Flamengo do ponto de vista financeiro. Com recursos adicionais, o clube poderia investir na contratação de novos talentos, fortalecendo ainda mais seu elenco para as competições futuras.

Além disso, a idade olímpica de Cunha e sua potencial participação nos Jogos Olímpicos de Paris podem aumentar seu valor de mercado, tornando-o um ativo ainda mais atraente para clubes europeus. Para o Flamengo, isso representa uma oportunidade de obter um retorno financeiro significativo, ao mesmo tempo em que abre espaço no elenco para novas contratações e adaptações estratégicas sob a liderança de Tite.

Autor(a):

Escrevo sobre notícias da TV e das celebridades há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.